segunda-feira, 3 de abril de 2017

Numa iniciativa louvável e merecida, o Vereador Gil Gomes (PV), uma das grandes referências do parlamento ilheense, apresenta e protocola na tarde de hoje, Moção de Louvor e Congratulação ao time de futebol ilheense, Colo Colo de Futebol e Regatas, pelos seus 69 anos de Glória.
O tigrão foi fundado em 03 de abril de l948, na cidade de Ilhéus, estado da Bahia, por um grupo de desportistas liderado por Airton Adami para disputar a semana inglesa, competição que aos sábados lotava o Estádio Mário Pessoa, então um dos maiores do País. A semana inglesa era um torneio promovido pelo sindicato dos comerciantes que se realizava somente nas tardes de sábados com os portões do estádio abertos.
A denominação advém de um clube chileno de mesmo nome. Na década de 50 fazia da sua intimidade com a bola um espetáculo de futebol e por isso inspirou o time de Ilhéus. O seu mascote é o tigre. Já o desenho do uniforme, nas cores azul e amarela, veio de um outro grande time, o Boca Juniors, da Argentina.
O primeiro modelo usado pelo clube foi comprado em Buenos Aires por José Haroldo de Castro Vieira. A primeira diretoria foi composta por: Airton Adami, Silvio Silva, Ivan Lelis da Mata, José Alves Barreto, Cláudio Silveira e Júlio Rodolfo Vieira. Ao longo da sua história, o Colo Colo já teve oportunidades de disputar partidas com grandes nomes do futebol nacional, principalmente com o Flamengo.
O primeiro título veio em 1953 como campeão ilheense. De 1958 a 1961 o Tigre conquistou o tetracampeonato amador ilheense. Em 1967, o Colo Colo participou pela primeira vez do campeonato baiano de futebol profissional, armando um de seus melhores times, com destaque para Miltinho Simões, que chegou a marcar 5 gols em um só jogo. Porém, em 1969, voltou à categoria de amador. Em 1997, foi campeão municipal e, em 1998, disputou a Copa da Bahia. Em 1999, o Tigre sagrou-se campeão da Segunda Divisão, voltando à elite do futebol baiano. Mas, foi em 2006 que conseguiu seu grande trunfo sendo campeão baiano de futebol profissional – um título inédito, quebrando uma hegemonia de quatro anos de domínio da dupla Ba-Vi.
Na Copa do Brasil de 2007, o Tigre defrontou-se com o Atlético Mineiro, em 14 de fevereiro, no Estádio Mário Pessoa, perdendo por 3×1, ficando precocemente eliminado, em jogo com fortes chuvas, resultando num campo em estado precário para a realização do jogo.
fonte: gabinete do Vereador Gil Gomes

0 comentários:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.