segunda-feira, 7 de março de 2016


De:Folha

O ministro Jaques Wagner (Casa Civil) foi alvo de hostilidades, neste domingo (6),
em um restaurante em Brasília, quando almoçava com sua mulher, Fátima.
No momento em que o ministro deixava o restaurante de comida  japonesa uma
mulher gritou na direção do petista: "Fora PT". Outros clientes aderiram aos
ataques e gritaram "Fora!". O ministro,  irritado, respondeu: "Seu mal­educado,
fascista".
A discussão foi rápida. O ministro chegou a ensaiar uma volta, mas sua mulher o
levou para fora do restaurante. O  incidente foi confirmado pela assessoria do
político, que passou um posicionamento de Jaques Wagner sobre o episódio: "É
preciso ter educação democrática: conviver com as diferenças sem discriminar ou
ofender gratuitamente".
Em São Paulo, outros petistas  já foram hostilizados, entre eles os ex­
ministrosGuido Mantega (Fazenda) e Alexandre Padilha (Saúde).
Rui Falcão, presidente do PT, também  já foi hostilizado em Brasília.

0 comentários:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.