quinta-feira, 7 de maio de 2015

Ele mantinha comerciante e funcionários reféns em Ilhéus

Uma guarnição em serviço da 69ª Companhia Independente da Policia Militar, foi acionada através da Central de Polícia Militar sobre um assalto em andamento no bairro Hernani Sá, em Ilhéus. Os policiais se dirigiram rapidamente ao local, onde uma mercearia se encontrava de portas fechadas. O proprietário do estabelecimento e funcionários foram feitos de reféns por Jailton Raimundo de Oliveira Santos. O proprietário abriu a porta da mercearia e a guarnição prendeu em flagrante o acusado, que portava um revólver calibre 32 com 6 cartuchos intactos, além da quantia de 270 reais subtraídos do estabelecimento e 1 relógio do proprietário. Jailton foi conduzido à delegacia, bem como o material apreendido e ficará à disposição da justiça.

rbn

 

Desarticulada quadrilha de roubo de carro em Camamu

No dia 5 de maio de 2015, por volta das 12 horas, dois elementos armados renderam uma família que acabava de descer do carro na cidade de Itacaré. Os bandidos levaram e amarraram as vítimas em um local abandonado, posteriormente empreenderam fuga, com o veículo e pertences das vítimas. Sendo assim, a Polícia Civil de Itacaré, comandada pelo delegado Emanuel Ribeiro Matos, juntamente com a Polícia Militar de Itacaré, descobriram o paradeiro do veículo roubado e deslocaram para a cidade de Camamu, onde se juntaram a Policia Civil, comandada pela delegada Camila França de Souza, e Militar de Camamu e em Operação prenderam em flagrante os dois elementos que participaram do roubo: Gil Iuri Alves Nunesmaia, Diego Bispo dos Santos e um outro indivíduo que auxiliou os assaltantes na cidade de Camamu, Jailton Santos da Silva. O veículo Fiat/Gran Siena era locado e foi recuperado, o revolver utilizado no crime também foi apreendido, bem como os pertences das vítimas. Todo o material e os envolvidos foram encaminhados para a DT de Itacaré, onde foi lavrado o flagrante.

Ocorrência Policial

 

Empresário, esposa e filha são presos com carga roubada avaliada em R$ 3 milhões

Caso aconteceu em Luis Eduardo Magalhães.(Foto:Sigivilares)

O dono de uma rede de lojas de móveis e eletrodomésticos foi preso junto com a filha e esposa na cidade de Luís Eduardo Magalhães, região oeste, por receptação de carga roubada. De acordo com a Polícia Civil, na noite de terça-feira (5). Diversas mercadorias foram apreendidas quando já estavam sendo vendidas em lojas de cidade e ainda nas vizinhas São Desidério e Barreiras. As mercadorias estão avaliadas em R$ 3 milhões. "Eles são autores de crimes de receptação. Esses eletrodomésticos são vendidos dentro dos estabelecimentos comerciais dele. Cada um gerencia uma loja com produtos oriundos de roubo expostos em prateleiras e mostruários", explicou o delegado Leonardo Mendes Júnior, que atua na delegacia da cidade em parceria com o delegado Rivaldo Luz. Entre os aparelhos roubados, muitas televisões, microondas e celulares. O delegado Leonardo Júnior  informa que, no caso de Governador Valadares, o motorista chegou a ser sequestrado. De acordo com a polícia, a carga foi rastreada por empresa particular que estava investigando o roubo das mercadorias. O empresário disse à polícia que comprou a mercadoria em Bom Jesus da Lapa por R$ 350 mil, mas não apresentou nota fiscal.

Informações do G1.


0 comentários:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.