terça-feira, 22 de setembro de 2015

Conselheiros encontraram a casa das crianças em estado deplorável.

Conselheiros encontraram a casa das crianças em estado deplorável.

Duas meninas, de 9 e 11 anos, que eram abusadas pelo próprio pai, foram resgatadas pelo Conselho Tutelar, no último sábado (19), no bairro da Conquista, em Ilhéus.

Uma das crianças fez um pedido de ajuda a uma vizinha, afirmando que não aguentava mais os abusos.

O socorro só foi possível depois da denúncia de vizinhos, pelo Whatsapp. Os conselheiros averiguaram os fatos, e confirmaram os abusos com relatos das próprias crianças e da genitora.

Segundo informações dos conselheiros, Ciro Nonato dos Santos Filho e Sandra Brasil, que atuaram no caso, as crianças viviam em estado deplorável, e a mãe sofria ameaças de morte por parte do agressor, que é usuário de drogas.

O caso foi apresentado na Delegacia Especial de Atenção à Mulher (Deam), onde foi aberto o boletim de ocorrência e exame de corpo delito.

Segundo informações colhidas pelo Blog Agravo, já existia uma queixa sobre o mesmo caso feita em maio de 2015. O pai agressor continua solto!

Entramos em contato com a Deam, mas a delegada não quis comentar o caso.

O Conselho fez encaminhamento das vítimas para o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) para acompanhamento psicológicos.

A redação do Blog Agravo entrou em contato com a conselheira Sandra Brasil, que informou que as crianças, juntamente com a mãe, estão na casa de parentes e o Conselho encaminhou à secretaria de Assistência Social, a inclusão das vítima em programas sociais, exemplo do “Minha Casa, Minha Vida” e Programa de Atenção Integral à Família (Paif).

agravo


0 comentários:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.