sábado, 27 de junho de 2015

Um bebê nasceu com dois dentes em Eunápolis, no extremo sul da Bahia. O caso é considerado raro e assustou a mãe da criança. “A médica chegou me dando essa notícia, eu comecei a tremer. Aí ela foi me acalmando, falando que não era normal, mas que era uma raridade acontecer”, relatou Jocácia Santos, mãe do bebê. Esse é o terceiro filho da empregada doméstica. Rian Miguel nasceu no dia 19 de junho, com 40 semanas e 3,5 kg. O primeiro dente caiu ainda durante o parto e o segundo continua envolvido por uma fina membrana da gengiva. Apesar de incomum, o dente não prejudica o desenvolvimento da criança, mas dificulta na hora de sugar o leite e machuca o mamilo da mãe durante a amamentação. Preocupada, a mãe do garoto levou ele ao dentista no quarto dia de vida e descobriu que os dois dentes fazem parte da terceira dentição, que não é nem a de leite e nem a permanente. Como o dente não está muito firme, ele deve ser extraído em breve, para evitar que Rian Miguel possa engolir ou aspirar. “Pode ir [o dente] para vias aéreas, obstruir a via aérea dessa criança. Ela pode ter uma parada respiratória por causa disso. Então é sempre bom a gente evitar e adiantar esse procedimento para evitar qualquer risco maior”, alerta o cirurgião.

g1


0 comentários:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.