sexta-feira, 24 de abril de 2015

(Foto: TV Vitória/Reprodução)

A empregada doméstica Almerinda Ferreira Suim, 36 anos, foi assassinada a pedradas diante da filha de 13 anos em Vila Velha, no Espírito Santo. Segundo a polícia, o crime foi cometido pelo ex-marido na terça-feira, no bairro Terra Vermelha II.

Almerinda e o pedreiro Daniel Lopes de Souza, 42 anos, estavam separados há quatro meses. Eles deixaram de viver juntos depois de um caso de agressão do marido à mulher que o levou a prisão. Desde então, Almerinda tinha uma medida protetiva de segurança contra Daniel.

Quando o pedreiro saiu da prisão, ele não procurou a ex-mulher, mas na noite da terça ficou esperando Almerinda sair da chácara onde trabalhava, a cerca de 100 m de casa. A doméstica saiu com a filha por volta das 19h. Ela foi então esganada e atacada a pedradas.

A filha gritou e implorou que o pai não atacasse a mãe, mas ele continuou as agressões e esmagou a cabeça de Almerinda com uma pedra de 10 kg.

Almerinda era mãe de outros três filhos. Daniel fugiu depois de matar a ex-mulher, mas foi preso na manhã desta quinta-feira. Ele foi ouvido e confessou o crime à Polícia Civil.

correio


0 comentários:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.