quinta-feira, 27 de abril de 2017

A Associação de Pessoas com Doença Falciforme de Ilhéus (APEDFI) busca desmistificar a Doença Falciforme e presta assistência e orientação aos seus associados, familiares e amigos. A organização da associação promove no próximo sábado (29), com apoio de voluntários, a exibição de um curta metragem do filme “Novembro” que conta a estória de um jovem que sofre com essa patologia. O filme será exibido no Plenário da Câmara de Vereadores de Ilhéus, às 18:30 com entrada franca.

A Doença Falciforme (DF) é a doença genética hereditária de maior incidência no Brasil. Nascem cerca de 3.500 crianças por ano com a DF no Brasil, e a Bahia é o estado de com maior predominância. É uma doença grave e desconhecida para muitos. Suas implicações são sérias e podem levar à morte, caso não tenha assistência adequada. O diagnóstico precoce, acompanhamento regular com equipe multiprofissional e multidisciplinar pode evitar os agravos e complicações. Em março, Ilhéus perdeu 02 pacientes vítimas da Doença Falciforme.


0 comentários:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.