PEDIDO DE LIBERDADE DE JAMIL OCKÉ, KÁCIO BRANDÃO E MAIS TRÊS FOI NEGADO

A juíza Emanuelle Vita, da primeira Vara Criminal de Ilhéus, negou o pedido de liberdade a Jamil Ocké, Kácio Brandrão, Wellington Andrade, Enoch Andrade e Thayane Lopes. Eles foram presos na última terça-feira, 21, durante a Operação Citrus, em Ilhéus. O pedido, feitos pelos advogados de defesa, aconteceu durante audiência de custódia realizada na manhã dessa quinta-feira, 23, no Fórum Epaminondas Berbert de Castro, em Ilhéus. Apenas a revogação de prisão do contador Lucival Bonfim foi concedida. Em contato com O Tabuleiro, os advogados afirmaram que irão apelar ao Tribunal de Justiça o pedido de habeas corpus de seus clientes.
O Tabuleiro

COMPARTILHAR:
← Anterior Proxima  → Página inicial

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Contra-Cheque

Contra-Cheque
Prefeitura de Ilhéus

Segurança Publica

TJ-BA

Correios

COELBA

EMBASA