quinta-feira, 25 de junho de 2015

Foi apresentado na tarde desta quarta feira (24), no Complexo Policial de Ilhéus, José Leal dos Santos, acusado de ter matado com um tiro de espingarda, calibre 36, sua esposa Sônia da Silva Santos. O crime ocorreu na Fazenda Flor da Rosa, Ribeira das Pedras, em Ilhéus. O casal convivia há 46 anos. José Leal matou Sonia com um único disparo, alvejando a região da nuca e rosto. Na residência do casal, ainda foi encontrada outra arma. Na 7ª Coorpin, José Leal confessou a autoria do homicídio, mas não explicitou os motivos do crime, que chocou a comunidade de Ribeira das Pedras. A Polícia continua investigando o caso.

rbn


0 comentários:

Postar um comentário

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.